Penseira: Bacia de pedra rasa, com entalhes estranhos na borda, runas e símbolos. É um recipiente que serve para guardar pensamentos os quais ocupam muito espaço na cabeça de alguém.

Tag Archives: saudade

Demorei um tempo pra entender todos os sentimentos que estão se passando dentro de mim nestes Jogos Olímpicos do Rio 2016, mas acho que só depois de ouvir o nosso grande hino nacional na Medalha de Ouro do vôlei foi que toda a emoção acumulada tomou conta de mim..

Emoção de poder ter ido conferir com todo o medo de não dar conta por causa do ano passado, emoção de ter feito parte da torcida que os conduziu a essa final quando assisti Brasil e Argentina nas Quartas de Final, emoção de sentir a vibração do meu namorado recém formado, desacreditado da profissão e da carreira frente a tantas dificuldades a grande emoção de poderá fazer parte desse sonho de viver uma competição olímpica no quintal de casa.. Cidade Maravilhosa.. Bênção do Cristo Redentor!

Me faltam palavras de tanta emoção..

Só consigo chorar e acreditar que a sementinha foi plantada e com fé em Deus, no esporte e na minha profissão, o esporte mudará mais vidas do que daqueles que ali competiam..

Vidas como de Rafaela Silva que aprendeu seu esporte na favela, dos meninos da ginastica que já tiraram dinheiro do bolso pra pagar os custos do esporte e tantos outros exemplos..

Mas sem esquecer das dificuldades que gente como a seleção feminina de futebol enfrenta como a falta de apoio e financiamento que só é investido no futebol masculino. Não sou ninguém para desmerecer o trabalho deles, mas existem muitas potencias e belezas que nosso pais não vê e não conhece e meu papel como futura Profissional de Educa é estampar esses talentos na cara do brasileiro pra gente vibrar, cantar, festejar e apoiar seja ele da nosso pais, ou um companheiro refugiado!

Viva o esporte!

Viva ao Brasil!

Viva as Olimpíadas!

Viva ao nosso mundão!

Porque já bem diz o slogan desse jogos: “Um novo mundo” e é isso que espero para os meus sobrinhos, filhos, netos..

Juntos somos um. Juntos somos o time Brasil!!


Ela

“Não vai te deixar entender a coisa toda de sorrir pro mundo e reclamar que anda sozinha.” – Daniel Bovolento

Imagem de girl, sweater, and vintage

Curiosamente estava num momento bem bad desse meu início de férias em que me vi sozinha, sem amigos, sem roles e coisas que pessoas da minha idade normalmente fazem, ainda mais depois do sonho que tive que estava numa festança, cheia de amigos, cheia de sorrisos e cheia de vida, mas me encontrei em casa, no frio, sozinha e silenciosa.

Já estava acreditando que minha vida é uma droga e que nunca fico satisfeita com nada, pois sempre acharei pelo em ovo, mas depois dessa frase percebi que sou assim mesmo.

Uma pessoa sempre em busca de alguma coisa, e mesmo em busca, que sempre quer achar o fim da linha, sempre quer conclusões e resultados, mesmo diante de tanta indecisão que é a minha vida.

Isso responde minha grande inquietação de não saber o que eu quero da vida. 23 anos na costas, quase dois anos de faculdade e só quero realizar meus sonhos infantis de conhecer a Disney, ir pra Londres e quem sabe casar com Daniel Radcliffe.

Mas por mais infantil e estranho, essa sou eu… A velha que parece criança, que age como adolescente e tem pensamento mais adulto do que parece.

São muitos eus pra administrar e me encontro sempre confusa, mas isso faz parte de mim, e no fim das contas eu só quero um colo pra chamar de meu no fim do dia, mas que esse mesmo colo me puxe os cabelos e beije meu pescoço forte nos momentos de mais intensidade.

Dificil lidar comigo? Sei bem como é, mas acho que é esse meu encanto.
Me descobrir sempre e sempre…

 


Dizem que amor de mãe é transformador, mas porque só amor de mãe? Amor de tia também move montanhas… Ainda mais quando se é tia AO DOBRO!

Depois de 4 longos dias ao lado dos meus pequeninos Ana Laura e João Luiz, senti o profundo aperto de ter que deixá-los e nossa.. Como dói!

Afastar-se daquelas carinhas que te olham com tanta sede de aprendizado, com sorrisos sinceros e abraços deliciosos me cortou o coração. Ainda mais que infelizmente moro longe deles e visita-los demanda um planejamento maior do que um simples “pulinho” lá.

Impressionante o quanto você se apega, você se entrega e recebe essa troca da maneira mais delicada. Através de um toque, um olhar, um grunhido e até mesmo um chutinho. E ser tia de gêmeos é uma dádiva maior ainda.

Como sou abençoada por ter dois pequeruxos tão diferente e tão cheios de atitude. Apenas 3 meses de idade e já muito conhecimento da vida.

Quantas lições aprenderei com vocês hein…

Mas o que mais me doeu na alma, foi saber que quando sai, deixei olhinhos marejados me procurando no sofá, sentindo minha falta no pequeno coraçãozinho, na mesma intensidade que estou sentindo agora.

Meus pequenos, uma pena que é trabalhoso estar junto com vocês, mas saibam que farei de tudo pra acompanhar o crescimento de voces

Já estou morrendo de saudades!

Amo vocês Aninha e Joao!

  


Estou com saudade daquele amor quietinho, carinhoso, cheio de abraços e sussurros no ouvido.

Saudade de coisas singelas, atitudes simples e palavras de amor.

Saudade do tempo que não tinhamos preocupaçao com o amanha, com o que tinhamos que fazer. O nosso futuro era nós.

Saudade de quando nosso encontro era o ápice da nossa paixão.

Saudade de quando não tinham interferencias, cobranças externas e julgamentos.

Saudade de quando qualquer sorriso era maior do que qualquer problema.

Saudade da nossa essencia, do que nos fez ficar juntos.

Saudades daquele amor gostoso de começo.

Só quero a paz do amor tranquilo.SMS.JPG

Leia também: “Entre todas as Coisas”- Mesmo que eu pareça não precisar


large (1)Sonho um dia poder acordar numa linda manhã de sol, em um quarto branco com uma enorme moldura clara de arte moderna e uma janela grande que reflete o Sol de maneira leve através da cortina. Adesivos de pássaros na parede e eu de baby doll branco, leve e confortável.

Sonho que estou acordando com o cheiro do café quente vindo de algum lugar e o quando esse cheiro me agrada e ao olhar pela janela, vejo um sol maravilhoso com uma brisa deliciosa.

Lembro de tudo o que aconteceu e como fiquei feliz nesses últimos dias, nos sorrisos bobos e nas risadas escandalosas.

Não quero voltar pra casa.. Não quero voltar pra minha realidade rotineira.. Não mais!

A vontade que tenho é abandonar tudo e seguir só isso que me preencheu taanto, mas não posso. A responsabilidade e as contas cismam em me assombrar e eu DEVO manter minhas responsabilidades e fico triste..

Sempre que pego pensando nisso fico triste, porque as coisas não são tão perfeitas como a gente imagina.. Tudo tem seu lado escuro, e meu lado escuro nesse momento, é imaginar que essa magia acabou mesmo olhando para essa paisagem linda que vejo desse quarto.

Como sou idiota né.. Poderia estar curtindo os últimos momentos desse final de semana épico, mas acordo e já fico pensando bobeira.

Fecho os olhos mais uma vez na esperança de afastar esses pensamentos negativos que me tiram do prazer de vivenciar o lado bom da vida e a sua presença, que me deixa feliz demais e acabo sorrindo… Lembrando do seu rosto, das suas covinhas que tanto amo e do jeito que você me olha ou quando chora junto comigo.

Coisas assim me fazem perceber o quanto esses esforços valem a pena. Que cada sofrimento serve pra gente dar valor as coisas pequenas. Que cada obstáculo é superado com um sorriso sincero e uma palavra amiga dita do fundo da alma. E como sou grata por você existir.

E com isso, sorrio com meus olhos fechados agradecendo a Deus por tudo que já passei. Nisso, sinto seu perfume perto de mim, e quando abro os olhos, você esta me olhando e sorrindo com aquele sorriso que eu amo e fico mais feliz ainda em acordar com a sua presença.

Você me abraça e diz aquele “bom dia” baixinho e gostoso enquanto fico manhosa na cama, dengosa com seu carinho que tanto me encanta. Como amo você e como amei passar esse fim de semana com você.

Me levanto e encontro nosso café feito por você e uma rosa linda para mim.. Um mimo que me anima mais ainda em cima da nossa cama e te abraço mais forte ainda com uma lágrima escondida através do meu sorriso.

E então acordo… Meio tonta meio feliz por ter sentido isso tão presente, pena que não foi real, mas ao olhar meu celular e encontrar uma sms sua me dizendo um “bom dia”, vejo que apesar desses sonhos lindos, nossa realidade também é mágica!

Pra você por MochileiradeAllStar


Eu Bruxa (2)

Ser fã não é ter todas as revistinhas da moda. Nem decorar o dia que foi impressa a página do primeiro “Olá” do personagem no livro..

Hoje em dia tenho dó dos fãs, porque o sentido foi perdido em meio ao consumismo excessivo de artefatos, porque no pensamento deles, ter o máximo de bonequinhos comprados na hora que abriu a loja no dia do lançamento, é título necessário pata ser o número um.

Eu nunca tive todas as condições de pagar por tudo que foi lançado de Harry Potter no que foi lançado, até porque moro na periferia e sempre lutei por cada centavo que ganhava para comprar um dos livros ou DVD que for..

Não consegui ver Matt Lewis e nem Tom Felton.. Doeu?? Claaaaro, mas como conseguiria ir sem o mínimo recurso??

Por isso deixei de ser fã?? Sou menos fã que todos?? Não gosto tanto da série assim?? Sou poser??

Não gosto desses títulos dados só porque algumas pessoas não souberam da informação no mesmo tempo que fulano que viu em tempo real. Por isso ela deve ser desmerecida?

Quem não viu o filme no primeiro horário, por raios que sejam e só conseguiu ver no segundo dia é poser?

Ser o maior fã não significa ser o mais rico, até porque nunca acreditei que exista fã numero 1.

Fãs amam cada um na sua realidade, seja alugando o filme na locadora, seja comprando um Bluray.

Os fãs de hoje em dia devem levar em consideração o amor que sentem e o carinho tremendo, no meu caso, pelo HP!

Tentei de tudo que me foi possível, mas aconteceu que eu não consegui ganhar as promoções para ir pra Londres, mas fiquei igualmente feliz em acompanhar a premiere em casa, quando eu consegui ter internet! Sou daquelas que comprou a fita VHS de “A pedra filosofal” e hoje guardo com muito carinho para mim, não tirando foto para os outros verem que “eu posso”. Tudo que é meu hoje, eu conquistei com muito carinho e tenho orgulho, porque fiz o que eu pude para estar perto e fazer parte dessa história.

Hoje fazem dois anos que o último Harry Potter estreou nos cinemas e tenho orgulho de dizer que eu consegui ir na estreia.. Não no primeiro horário porque eu trabalho, mas fiz parte dessa história.

Com isso, fica meu recado…

Não se sinta menos fã, porque você não tem a varinha das varinhas vindo do parque do Harry Potter ou nem faz parte de algum fã clube, se sinta feliz porque você faz parte da legião de potterheads que não vai deixar a chama da magia morrer dentro do coração de todos nós!

Hug Final Shoot

After all This time??

Always!

MochileiradeAllStar


[…]

Ser íntimo de alguém é você cantar sem medo de estar desafinado, em alto e bom tom. É você abrir suas mais profundas ideias sem medo de ser ridículo por achar que realmente o homem nunca pisou na lua ou assumir que já acreditou naquele filme, a Teoria da Conspiração.

Ser íntimo é conseguir olhar nos olhos. É ter medo de dizer eu te amo, mas dizer mesmo assim, em várias línguas e com um sotaque horroroso. E, mesmo assim, ser fofa. Intimidade é você mostrar uma foto sua de criança, quando sua mãe fez aquele corte ridículo no seu cabelo e você teve vergonha de todos os amiguinhos da escola.

É assumir que não sabe cozinhar e se esforçar mesmo assim. É tirar os sapatos depois de um dia inteiro de trabalho e pedir um abraço. É dizer que não tem problema se ele acabou de comer uma pizza calabresa cheia de cebola, que gosta do beijo mesmo assim. Mas ainda assim oferecer uma balinha de menta e dar aquele sorriso de canto.

É não conseguir esconder que ficou brava sem razão, simplesmente porque estava na TPM; não conseguir esconder que saiu pulando de alegria quando ele mandou aquela mensagem com uma única palavra: saudades…

Intimidade é assumir que sabe todas as letras do Legião Urbana, que já quis ser igual à Sandy e que, quando está sozinha, ainda chora assistindo a Friends ou Gilmore Girls.

Intimidade vai além do físico. Ser íntimo é não ter medo de dividir seus pensamentos, aqueles mais profundos que te deixariam vermelha numa discussão em uma grande mesa de jantar. Ser íntimo é entender que até no silêncio há diálogo. Você só tem intimidade o bastante com alguém quando consegue ficar quieta ao lado da pessoa sem se incomodar com isso. Você só consegue atingir esse grau quando as mentes caminham na mesma frequência.

Intimidade é você não precisar do outro para viver, mas querer viver com ele mesmo assim.

Via Casal Sem Vergonha



4x15

Divulgando a Ciência do Treinamento

Um Travesseiro Para Dois

tudo é especial se quisermos que seja.

Red Pointe - Blog de ballet

Um blog com dicas de ballet, ballet adulto, músicas de ballet (repertório) e muito mais!

Blá

Poesias, Crônicas, Contos

Suspiros & Desatinos

um pouco de amor. um pouco de humor.

Mundo Q

Entre Estantes e Espelhos