Penseira: Bacia de pedra rasa, com entalhes estranhos na borda, runas e símbolos. É um recipiente que serve para guardar pensamentos os quais ocupam muito espaço na cabeça de alguém.

Tag Archives: mochileira

largeEu não sei porque eu fico nessa luta desesperadora de querer ser sempre a melhor em tudo, o destaque e a pessoa influente, mas sempre me frustro porque estou “na média” das coisas.

Mas não que isso seja negativo, porque o parâmetro de relevância é muito relativo. O bom numa teoria, as vezes não é tão bom assim na prática. Mas no meu caso, sinto que preciso aceitar em ser apenas…..

Nem existe palavra pra descrever, porque a minha vida inteira eu nunca fui a “completa e irritante sabichona” like Hermione Granger, mas sabe quando você tem um valor fundamental nas coisas? Como se as pessoas ao perceber a ação, ato, circunstancia, sei la que raios, olham pra você falam “Muito obrigada, você ajudou muito”, “você é competente”.

“Não existe alguém como você”…

Acho que é isso.. Não adianta pensar em parâmetros de genialidade se eu sou uma parcela avulsa de coisas boas que agregam as pessoas. Mas ainda sim, é muito difícil não comparar com os outros.

Só que a minha vida é completamente diferente da dos outros, meu histórico é diferente, minhas experiências são diferentes, até MINHA IDADE é diferente…

Estou no primeiro ano de faculdade com 23 anos.. Não parece, mas é! E existem pessoas ao meu redor com 18 anos.. Uma puta diferença de vivencia de vida que ninguém nunca pode comparar.

Então acho que é isso.. Pra que pensar em ser boa, em ser reconhecida por fatos sendo que posso simplesmente ser única do meu jeito?

Advertisements

large (16)

“Quanto mais rápido a gente realizar nossos sonhos, quanto mais rápido a gente falar tudo aquilo que está preso no garganta, quanto mais rápido a gente abraçar alguém ou correr para matar a saudade, melhor. […] Tudo isso não machuca e tudo isso é pequeno demais perto da imensidão que a vida é. Perto das escolhas e de nosso destino. Não deixem nada para amanhã. Não deixem nada mesmo. Vai lá, corre e busca.” – Thiego Novais

*titulo criado por mim, só pra não deixar vazio


Hoje tive uma conversa bem franca com a minha mãe e diante dessa conversa comecei a me ouvir falar e nossa… Como as coisas mudam de um ano para o outro.. E que bom não é? Imagina termos a mesma mentalidade e atitude sempre, como seria? BORING!

Fiquei analisando minhas condições no ano passado e minhas decisões ao longo do ano que se passou. Foi um ano financeiramente difícil, mas foi um ano de grandes decisões num curto espaço de tempo.

Outra coisa que me fez pensar, é que uma colega minha (que não via há muito tempo), comentou que sempre acreditou que eu seria a primeira da escola a entrar na faculdade, e hoje, ela esta com 2 filhos terminando a dela e eu estou aqui decidindo se caso ou se compro uma bicicleta. rsrs

Para muitos, isso poderia soar como algo ruim, porque a pessoa “evoluiu” em 5 anos pra cá e eu fique estagnada, mas eu vejo diferente, porque eu escolhi viver coisas que essa pessoa não viveu. Cada um tem mérito e cada um, fez suas escolhas.

Tive anos ruins e cheio de decisões que, hoje, eu não tomaria, mas estas serviram para que eu desenvolva meu senso critico, para que eu tenha certeza do que quero fazer pro resto da vida e ter certeza das minhas condições de vida.

Citando a minha maneira, o querido Alvo Dumbledore, digo que “para uma mente bem estruturada ‘decisões’ são apenas aventuras seguintes” e eu fui observar as condições de minha vida para assim, estruturar minha mente para as novas escolhas e novas aventuras que escolhi viver esse ano.

Não consigo me imaginar como antes.. Sou uma pessoa completamente nova e a prova disso é a minha atual capacidade de conseguir conversar com a minha mãe. Vocês não sabem o quanto isso me deixa satisfeita…

Me sinto mais mulher, mais critica, mais autentica, mais madura e gosto muito disso. Cada vivência minha, foi para que eu aprendesse a ser e conviver com quem eu sou e como estou me divertindo com isso.

Tenho agradecimentos especiais às pessoas que mais estiveram presentes na minha vida e são elas o Vinicius (meu amor lindo) e a Josi (minha psicóloga linda) que por uma ironia do destino, apareceram exatamente na mesma época e deram essa empurrada nas minhas decisões. Não digo que foram vocês que me mostraram o caminho de fato, mas tenho certeza que foram vocês que estiveram lá me aconselhando e estimulando para que EU tome minhas decisões por mim para o bem de todos. Valeu pelas broncas, pelo ombro pra chorar, pelas palmas nas conquistas (e olha que pra eu decidir algo, tem que ter paciência, porque só vocês sabem da minha indecisão) e por estar sempre por perto e me ouvindo.

Muito obrigado por esse quase 1 ano!! ♥


Hoje estava arrumando minha biblioteca e fuçando no meio de tanta papelada achei uma folha de papel muito curiosa. Assim que abri, me surpreendi pra caramba, pois nesta folha contém os primeiros esboços de nomes para este blog..

Foi engraçado reler e observar os nomes que estava em dúvida, sendo que quase nenhum deles remetia ao produto final, mas foi divertido reler e lembrar de uma folha de pelo menos 4 anos atrás..

Scan

Os nomes que consegui identificar – muitos estão riscados como você pode notar na imagem- são:

– Mochileira da Fênix;

– Hogossip Girl;

– Gota de Limão ou Sorbet de Limão;

– Lufa Sonse Grifi Nal;

– Draco Dormiens Nunquam Titillandus;

– Onióculo;

– Portkey;

– Magical Me ou O Meu Eu Mágico;

– Legilimens;

– Mischief Managed!;

– A Esquisitona;

– Sob efeitos dos Narguilés.

 

Engraçados pra caramba comparados a “MochileiradeAllStar” não é?!

Comentem e me digam o que acham!

MochileiradeAllStar


DSC03216

 

Muitos assuntos para se falar, muita coisa acontecendo e pouca cabeça pra lidar com isso, fora que estou lidando com tudo isso “sozinha” já que estou voltando a ser quem eu gosto de ser e isso só depende de mim, da minha cabeça e dos meus papéis e caneta.

Tentei por várias vezes esvaziar a mente já direto no Word pra depois postar no Mochileira, mas algo me impede e o pane de criatividade bate sem medo, mesmo diante de tanta coisa rolando aqui dentro.

O bom é que não são agonias, nem sofrimentos, são simplesmente pensamentos que eu sinto a vontade de “jogar fora”, como se fosse uma PENSEIRA, em que a tinta corre pelo papel, trançando e relembrando situações que preciso reviver para compreender.

Pretendo voltar a escrever mais, só que não diretamente pelo computador – pois meus piores textos foram feitos no Word -, mas sim no meu velho caderno com minha letra miúda e estranha, mas que pra mim faz todo o sentido!

Tá vendo.. Escrevi!! =D

MochileiradeAllStar


Você já sabe
Me conhece muito bem
Eu sou capaz de ir
Vou muito mais além
Do que você imagina…

Eu não desisto
Assim tão fácil meu amor
Das coisas que
Eu quero fazer
E ainda não fiz
Na vida tudo tem seu preço
Seu valor
E eu só quero dessa vida
É ser feliz
Eu não abro mão…

Nem por você
Nem por ninguém
Eu me desfaço
Dos meus planos
Quero saber bem mais
Que os meus 20
E poucos anos…

Tem gente ainda
Me esperando prá contar
As novidades que eu
Já canso de saber
Eu sei também
Tem gente me enganando
Ah! Ah!
Mas que bobagem
Já é tempo pra crescer
Eu não abro mão…

Nem por você
Nem por ninguém
Eu me desfaço
Dos meus planos
Quero saber bem mais
Que os meus 20 e poucos anos…


Por uma burrice incrível de tentar excluir uma conta de E-MAIL no Google, acabei excluindo minha conta antiga do Mochileira. Observei a minha vida sem minha penseira e percebi o quanto era bom manter aquele blog, nem que seja simplesmente para só eu ler, mas ele é parte de mim, e agora voltará a ser parte de mim.

Inauguro o novo “MochileiradeAllStar“!

Com um pesar enorme, penso nos mais de 3 anos que mantive aquela conta e quantos textos bons e ruins passaram por lá neste tempo todo, mas ouvindo Ed Sheeran e Plain White T’s, notei o quanto é gostoso manter esse cantinho tão único pra mim.

Aqui é onde “despejo” meus pensamentos, anseios, dificuldades, felicidades e sentimentos, acima de tudo.

Eu voltei..

Mais madura, mais decidida, mas não menos confusa!

MochileiradeAllStar



Quatrode15

Popularizando a ciência do treinamento

Um Travesseiro Para Dois

tudo é especial se quisermos que seja.

Red Pointe - Blog de ballet

Um blog com dicas de ballet, ballet adulto, músicas de ballet (repertório) e muito mais!

Blá

Poesias, Crônicas, Contos

Suspiros & Desatinos

um pouco de amor. um pouco de humor.

Mundo Q

Entre Estantes e Espelhos