Penseira: Bacia de pedra rasa, com entalhes estranhos na borda, runas e símbolos. É um recipiente que serve para guardar pensamentos os quais ocupam muito espaço na cabeça de alguém.

Tag Archives: desafio

São tempos dificeis para os sonhadores, já dizia Amelie Poulain e hoje amanhecemos com uma notícia que mexerá muito com os sonhos de todos nós brasileiros. A aprovação da PEC 55, a PEC da morte.

brasil-de-luto

Não sou muito engajada com política, mas depois que minha faculdade foi ocupada em protesto a esse congelamento de VINTE FUCKING ANOS dos gastos com educação (a qual me incluo como universitária de uma instituição pública), assistência social e saúde, não pude não me agonizar com o que poderá acontecer nos próximos anos.

Em meio as promessas de fim de ano, não consigo nem me posicionar favorável de que boas coisas estão vindo. Como disse “são tempos difíceis para os sonhadores”, mas ainda como uma grande sonhadora e esperançosa, vou torcer para que esses tempos de trevas políticas, sirvam para fazer com que o brasileiro possa refletir melhor sobre seu espaço e seu próximo.

Através desse post, peço que todos nós mentalizemos luz e paz para o ano que irá iniciar, para que as perdas que estão previstas, sejam revistas e melhor trabalhadas para que todos possamos sair bem dessa fase difícil e consigamos ganhos muito maiores através da percepção do que esta nos rondando.

Claro que deveríamos ter evitado tudo isso nas eleições e blablabla que todos os “mimizentos” falam, mas agora que ta tudo feito, vamos mentalizar energias positivas, porque existe sim uma corrente do bem e se cada um fizer sua parte mesmo que seja no plano espiritual, podemos reverter essa energia negativa que esta rondando.

Até porque o ano de 2016, segundo a numerologia, é um ano 9 (2+0+1+6=9). Um ano de fim, de conclusões, para um novo tempo.

Então se vamos viver um novo tempo, vamos construir com muita luz e paz para os nossos filhos e netos!

Advertisements

Demorei um tempo pra entender todos os sentimentos que estão se passando dentro de mim nestes Jogos Olímpicos do Rio 2016, mas acho que só depois de ouvir o nosso grande hino nacional na Medalha de Ouro do vôlei foi que toda a emoção acumulada tomou conta de mim..

Emoção de poder ter ido conferir com todo o medo de não dar conta por causa do ano passado, emoção de ter feito parte da torcida que os conduziu a essa final quando assisti Brasil e Argentina nas Quartas de Final, emoção de sentir a vibração do meu namorado recém formado, desacreditado da profissão e da carreira frente a tantas dificuldades a grande emoção de poderá fazer parte desse sonho de viver uma competição olímpica no quintal de casa.. Cidade Maravilhosa.. Bênção do Cristo Redentor!

Me faltam palavras de tanta emoção..

Só consigo chorar e acreditar que a sementinha foi plantada e com fé em Deus, no esporte e na minha profissão, o esporte mudará mais vidas do que daqueles que ali competiam..

Vidas como de Rafaela Silva que aprendeu seu esporte na favela, dos meninos da ginastica que já tiraram dinheiro do bolso pra pagar os custos do esporte e tantos outros exemplos..

Mas sem esquecer das dificuldades que gente como a seleção feminina de futebol enfrenta como a falta de apoio e financiamento que só é investido no futebol masculino. Não sou ninguém para desmerecer o trabalho deles, mas existem muitas potencias e belezas que nosso pais não vê e não conhece e meu papel como futura Profissional de Educa é estampar esses talentos na cara do brasileiro pra gente vibrar, cantar, festejar e apoiar seja ele da nosso pais, ou um companheiro refugiado!

Viva o esporte!

Viva ao Brasil!

Viva as Olimpíadas!

Viva ao nosso mundão!

Porque já bem diz o slogan desse jogos: “Um novo mundo” e é isso que espero para os meus sobrinhos, filhos, netos..

Juntos somos um. Juntos somos o time Brasil!!


large

 

Se algo de muito ruim te acontecer, ou alguém te machucar muito, nunca se sinta um lixo por causa disso.

Acredito que as coisas acontecem sempre por algum motivo e nós – apesar da dor – devemos ser gratos por isso, pois só assim evoluímos e nos tornamos pessoas melhores.

Além disso, a gente nunca agradará ninguém, mas devemos aprender com as diferenças dos outros, pois assim seremos entendidos também.

Isso para mim é sabedoria.

E como uma amiga me disse uma vez, nunca peça força para lidar com as coisas, pois Deus pode interpretar que você precisa enfrentar mais barras para aprender a ser forte sempre e isso acaba causando mais sofrimento. Diante disso, sempre peça sabedoria, pois assim, enfrentará situações e pessoas com sabedoria sem deixar magoas ou lagrimas por esse caminho.

A vida é mais simples do que imaginamos e as situações não servem pra nos derrubar, e sim pra construirmos uma história linda de nossas vidas.

Hoje tive uma bela nova experiência de vida que só me fez pensar no quanto sou grata pelas coisas que já vivi.

23 anos nas costas e posso afirmar que já passei de tudo por essa vida e minha história é digna de um livro de superação e busca pela felicidade pelas coisas simples.

E não falo isso para me vangloriar e me sentir superior a ninguém não, mas pra mostrar a mim mesma a minha força e a minha vontade de fazer sempre o bem pelo próximo e para mim mesma.

Poucos sabem o que passei para chegar onde estou, o que ouvi, o que senti, o que sofri e o que sorri, e por mais que queira deixar claro isso para as pessoas, nunca terei a compreensão que eu imagino que elas poderão ter, então preservarei minhas histórias pelo meu coração e pelo meu silêncio.

Quem é sábio não precisa afirmar nada para ninguém, apenas é, e viverá muito mais em paz do que aqueles que só julgam a vida dos outros.

“Just be truth to who you are” – Jessie J


large

Estou num emaranhado de emoções depois de vivenciar essa primeira semana efetiva de aula.

Muitas novidades, muitas situações já antigas, mas uma sede muito grande fazer o melhor para não cometer erros do passado.

E essa sexta, parece que o universo conspirou pra consumar meus pensamentos e minhas vontades desse ano.

Depois de uma grande “bronca” – diria mais um choque de realidade – pude relembrar o porquê escolhi fazer tudo isso. O porque escolhi o melhor, e o porquê de estar num lugar como a Unifesp.

É luta constante. São novos horizontes socando a sua porta e muitos paradigmas também, e como quebra-los? Apenas sendo o melhor, apenas efetivando o que você está lá para fazer..

Pareceu cruel falar sobre frieza e calculismo dentro da sala de aula, mas infelizmente sofremos esse tipo de “ameaça” constantemente na nossa vida e no mercado de trabalho.

Pra que ser bonzinho o tempo todo sendo que no fim das contas o mais experiente e o mais esperto (pela inteligência e competência) toma o seu lugar? E você vai fazer o que? Chorar? Reclamar? Espernear?

A única solução para que você faça a diferença e mostre o para que veio, é simplesmente fazendo de fato e com vontade o que você precisa fazer.

Então pode ser que esse ano abandone um pouco esse meu espacinho pra poder estudar de maneira decente tudo o que não estudei ano passado pelo simples fato de procrastinar sempre, sendo que poderia ter dado o meu melhor de maneira mais eficiente, sem sufoco.

Bora lá então!


large (15).jpg
Enfim, o que lutei o ano inteiro pra chegar e pra mudar minha vida (quem sabe) tá chegando!
O ano enfim está acabando e eu não sei se fico feliz ou extremamente ansiosa por essa mudança!
Estou com muito medo, medo de fracassar, medo de viver tudo que vivi esse ano, medo de enfrentar toda a barra tudo de novo e não encontrar coragem, ousadia e saco pra enfrentar, mas eu juro que tentei fazer o meu melhor, juro que corri atrás de tudo que me comprometi.
Os desapegos? Tiveram que acontecer para que eu consiga sobreviver aos meus compromissos e missões, não foi luxo ou abandono, e nem me arrependo, pq sempre penso muito antes de fazer algo.. (Deve ser por isso que sou tão lenta)
Mas quando faço, faço de coração!
Me decepcionei demais, vi máscaras caindo, chorei muito e incansáveis vezes, mas isso me fez mais forte para o hoje, para enfrentar o que – se Deus quiser – eu vou enfrentar ano que vem.
Medo e ansiedade sempre me rondam, mas garanto que estou fazendo o que posso na medida que me coube, e Deus há de me recompensar!
Amém!



Quatrode15

Popularizando a ciência do treinamento

Um Travesseiro Para Dois

tudo é especial se quisermos que seja.

Red Pointe - Blog de ballet

Um blog com dicas de ballet, ballet adulto, músicas de ballet (repertório) e muito mais!

Blá

Poesias, Crônicas, Contos

Suspiros & Desatinos

um pouco de amor. um pouco de humor.

Mundo Q

Entre Estantes e Espelhos