ClassesComplicado quando você esta acostumado a uma vida, vive ela intensamente, descobre que ama com toda a alma, se dedica até não poder mais e num determinado momento percebe que esta começando a ver que por mais certo que dê, não dá “retorno”.

Você tem duas escolhas a fazer nessas situações, ou permanecer e trabalhar para sobreviver, deixar de lado e seguir a vida com mais tranquilidade.. Claro que digo tranquilidade no sentido de recursos porque escolhendo a segunda opção, é lógico que o coração sempre vai doer ao ver as fotos, ouvir as músicas e ver seus amigos que continuaram, ou conseguiram aguentar.

Como sobreviver com a sensação e que poderia estar fazendo mais e que se estivesse a consciência que tem hoje à 5 anos atrás, as coisas seriam diferentes? E se tivesse partido para o caminho convencional logo de inicio, será que seria mais fácil continuar? E quando você tenta tenta tenta e sente que o esforço é grande, mas parece que a recompensa nunca vem?

Até quando vou sentir isso? Ou melhor, quando terei coragem de decidir o que quero fazer na vida?

Será que eu aguento permanecer e estudar?

Sinto que a vida me dá sinais pra não desistir, mas como sendo que eu quero estudar e crescer um pouco em outras áreas?

Dificil crescer e cada dia que passa parece que a vida corre e eu sinto a sensação de estar inerte no meio da bagunça que é minha vida!

Eu descobri que amo dançar e não quero deixar isso, mas como prosseguir se as responsabilidades batem na porta? Quando o retorno financeiro começa a gritar e suas contas também? Mas ainda sim, seu coração bate mais forte pra ficar, arranjar uma maneira..

Aulas de manhã, dar aulas a tarde, estudar a noite.. Sei lá! Vontade de ficar não me falta, mas a necessidade tá gritando comigo…

MochileiradeAllStar

Advertisements